Cães de Guarda - Jornalistas e Censores, do AI-5 à Constituição de 1988

Ao contrário de outras obras sobre os “anos de chumbo” da ditadura brasileira,  esta aborda a censura a partir de seus atores políticos: censores e jornalistas. Apresenta os procedimentos e relações entre os funcionários da censura e os jornais e seus jornalistas, mostrando não só conflito, mas também aceitação e colaboracionismo. Evidencia a existência de tramas complexas entre Estado e sociedade e traz novos elementos para o conhecimento desse período.

Creative Commons

Creative Commons
Revista Teoria e Debate. Alguns direitos reservados.