Furtado – economista e cientista social

Um intelectual preocupado com a inserção do Brasil na ordem econômica, social e política contemporânea

“Quaisquer que hajam sido as intenções dos autores do golpe militar de 1964, o seu efeito principal foi, sem lugar a dúvida, a interrupção do processo de mudanças políticas e sociais, entre elas, em primeiro lugar, a construção que se iniciava de uma nova estrutura agrária em nosso país. Cabe acrescentar que o dano maior do golpe foi feito ao Nordeste, onde era mais vigoroso o movimento renovador em curso de realização e onde eram (e ainda são) mais nefastos os efeitos do latifundismo.”

Celso Furtado, Paris, março de 2004. Para o livro Golpe de 64: 40 Anos Depois, editado pela Fundação Joaquim Nabuco.

“Para homens que se projetaram pela inteligência criadora e têm capacidade de influir pela força das suas idéias, não existem despedidas porque eles sempre estarão presentes.”

Celso Furtado, despedida de Raúl Prebisch da direção da Cepal, citado por Marcos Formiga.

Creative Commons

Creative Commons
Revista Teoria e Debate. Alguns direitos reservados.